Pages Navigation Menu

Just another WordPress site

Utilize Estas Dicas Para Ajudar o Seu Bebê a Andar

Qual pai não quer ver o seu filho andar?

Todas as fases da vida do bebê são fabulosas. Enquanto eles são pequenos, queremos tê-los em nossos colos.  Mas basta chegar perto de 1 ano o nosso anseio passa a ser vê-los andar.

Em geral um bebê arrisca os primeiros passos entre os 9 e 18 meses, embora não é anormal um bebê andar aos 7 meses ou até os 2 anos de idade.

No período em que o seu filho começa a querer ficar em pé, ainda que se apoiando (geralmente no berço ou chiqueirinho) você deve estimular o seu filho a andar, dando confiança a ele.

Como estimular o seu filho a andar?

Gerando Confiança Sentado

Antes de conseguir andar, todas as crianças aprendem a sentar.

  • Quando o seu filho já conseguir sentar sozinho, estimule ele com brinquedos.

Faça com que ele consiga alcançar brinquedos que não estão à mão. Provavelmente ele vai alcançá-los engatinhando ou rolando de alguma forma.

Pegue uma bola colorida e brinque ao redor dele. Faça com que ele se esforce para alcançar a bola. Naturalmente, ela irá pegá-la e jogá-la pra longe. Deixe que ele tente ir buscar. Se estiver muito longe dele, deixe um pouco mais perto, mas não tão perto que ele consiga pegar sem esforço.

Nesses movimentos simples, ao engatinhar, o seu filho irá fortalecer os músculos do corpo, perna, braços, pescoço… Ele está treinando também o equilíbrio.

  • Tão logo você perceba que o seu filho está começando a levantar (ou tentar levantar), coloque os brinquedos em lugares altos, que ele precise se levantar para alcançar.

Por exemplo, você pode colocar os brinquedos em cima do sofá, e rapidamente o seu filho aprenderá a levantar se apoiando nesses objetos.

O meu filho mais velho, por exemplo, aprendeu a se levantar rapidamente quando ele passava algum tempo no chiqueirinho.

(A propósito, ver o seu filho se levantando pela primeira vez é uma grande sensação).

Aqui vai uma dica: nas primeiras vezes que o seu filho tentar se levantar, não permita que ele caia duas ou três vezes seguidas. Isso pode minar a confiança dele.

Se você achar que ele ainda não consegue se levantar sozinho, ajude-o a se levantar, e fique bem perto dele.

  • Ajude o seu filho a andar com apoio

Não, eu não estou falando em utilizar um andador. Esse é talvez a utilidade mais discutida na criação de um bebê. E a verdade é que brevemente será proibida a venda de andadores. Acesse aqui um texto no site da Sociedade Brasileira de Pediatria a respeito do tema.

Ajudar o seu filho com apoio significa sustentá-lo. Segure nas mãos dele ou, principalmente, embaixo dos braços, no tronco.

Aos poucos, ele arriscará mais passos.

Quando ele conseguir andar por mais de cinco minutos consecutivos, talvez ele já esteja pronto para andar sozinho.

Nessa fase, os pais devem ficar nas extremidades, e o bebê no meio. Alternadamente, um dos pais chama o bebê,  e após ele alcançar quem chamou, o outro então chama.

No começo este exercício deve ser feito com uma pequena distância entre os pais, e com o passar do tempo esse espaço deve ser aumentado.

Mais uma vez, tente não permitir que ele caia, ou, se ele cair, pegue-o de uma forma confiante, de uma forma calma e tranquila.

  • Estimule-o a sentar

Ensinar o seu filho a sentar deve ser o próximo passo. Enquanto ele estiver em pé, provavelmente ele não sabe sentar, porque ele não tem muito equilíbrio. Ensine-o. Dobre o seu joelho e mostre como ele deve fazer.

Utilizando estes passos, em breve o seu filho irá andar.

Mas sempre respeite o ritmo do seu filho. Saiba ler em que fase ele está, e não precipite o seu desenvolvimento.

O Gabriel andou com 1 e 2 meses.

A Rafa está com 1 e 4 meses e ainda não andou. Esta na fase de estimulação. Como eu falei antes, até os 2 anos é normal qualquer bebê andar.

Com que idade o seu filho andou? Como foi essa experiência? Você o estimulou de alguma forma? Conte a sua experiência para nós.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>